Travesti estupra jovem por três horas

Uma jovem de 24 anos, que não quis revelar a identidade, foi estuprada por um travesti e seu namorado em Campo Grande, na zona oeste do Rio de Janeiro. A jovem ia para o trabalho quando foi abordada pelo agressor. 

A vítima seguia para trabalho e fazia o mesmo caminho de sempre. Foi exatamente neste ponto onde ela foi abordada por um homem, Paulo Rafael Salviano de Oliveira, de 29 anos.

A rua é bastante movimentada, mas a jovem disse que ficou em estado de choque quando foi surpreendida pelo criminoso e não conseguiu nem gritar para pedir ajuda.

— Eu só ficava quieta, com medo de fazer alguma coisa. Ele falava que estava armado!

A jovem foi forçada a entrar nesta casa e ficou em cárcere privado por mais de três horas. Dentro da residência havia mais uma pessoa: um travesti chamado Renato Muniz de Campos, de 46 anos.

Antes de libertar a jovem, os dois criminosos pediram desculpas à vítima e disseram que agiram sob efeito de droga.

O travesti o namorado dele foram presos pela polícia e vão responder pelo crime atrás das grades.