Soldada enfrenta multidão de manifestantes sozinha e desarmada, veja vídeo

Um vídeo divulgado na internet mostra o momento em que uma soldada do exército israelense enfrenta uma multidão de manifestantes em Jerusalém.

O grupo de judeus ultra-ortodoxos protestava contra a prisão de dois estudantes de escolas judaicas tradicionais que não compareceram ao alistamento militar.

Devido aos conflitos entre israelenses e palestinos, os judeus ultra-ortodoxos não são obrigados a se alistar, mas os estudantes precisam apresentar uma carta da escola para serem liberados.

A militar Nomi Golan estava tentando auxiliar um carro a ultrapassar a multidão, mas ao tentar aproximar-se do líder dos protestos para pedir licença, foi recebida com cuspe e xingamentos.

Protestos contra o alistamento obrigatório dos judeus são comuns no país.