Sexo em submarino nuclear termina mal para oficiais da marinha

A sub-tenente Rebecca Edwards, de 20 anos, e o Comandante Stuart Armstrong, de 41 anos, foram afastados de seus cargos e estão sendo investigados por “relacionamento inadequado” a bordo do submarino HMS Vigilant, no norte do Oceano Atlântico.

No Reino Unido é proibido que oficiais tenha relacionamentos com seus subordinados, e também existe uma política contra contato físico em submarinos britânicos.

Além dos dois, o segundo encarregado Tenente Comandante Micheal Seal também está sendo investigado por ter tido relação sexuais com uma oficial não-identificada.

O submarino estava nos Estados Unidos para realizar o transporte de ogivas nucleares quando os primeiros rumores começaram a surgir.