Polícia prende casal de idosos após confundir plantas com maconha

Eles foram denunciados pelo próprio agente de seguros, que achou que o pé de hibisco, também conhecido como vinagreira, que eles possuíam em casa se tratasse de pé de maconha.

A polícia entrou na casa do casal com um mandato de busca e, de acordo com a idosa, eles foram muito violentos.

Segundo o depoimento, eles entraram na casa apontando rifles, a algemaram e a puseram no carro de polícia enquanto ela estava usando apenas roupa íntima.

O marido chegou em casa meia hora após a mulher ser presa e também foi algemado.

Eles dizem que os policiais os ignoraram diversas vezes enquanto eles diziam que a planta na verdade era hibisco, e não maconha.

Eles passaram cerca de quatro horas algemados no carro da polícia enquanto sua casa era vasculhada.

O casal agora está sofrendo de estresse emocional e teve que reparar parte da casa que foi danificada durante a investigação policial.

O casal Audrey e Edward Cramer agora está processando o departamento de polícia de Buffalo, nos Estados Unidos, e a companhia de seguros que fez a denúncia.