Partido propõe sexo gratuito para quem mais precisa

Ajudar os mais necessitados a ter sexo gratuito é a proposta do partido Verde da Alemanha. O plano autoriza os médicos a emitir prescrições gratuitas para aqueles que necessitem recorrer aos serviços de prostitutas por não conseguirem fazer sexo de outra forma. 

O serviço seria pago pelo Estado. Em várias cidades alemãs já existem bordéis cujas trabalhadoras prestam ‘assistência sexual’ a pessoas com demência, deficientes e donos de casa.