Pai queima órgãos íntimos do filho por revelar que foi estuprado

Um homem usou ferro de passar na mais alta temperatura para ferir os órgãos genitais do filho após ter revelado que que tinha sido violado.

A história, que aconteceu na Arábia Saudita, foi revelada em primeira mão pelo psicólogo que o pai consultou após cometer a atrocidade. De acordo com a imprensa local, o homem procurou o psicólogo Hussain Al Shamarani, a quem revelou que acreditava ter feito o mais correto para o filho, ainda uma criança.

O progenitor decidiu punir o filho quando ele confessou ser vítima de abusos sexuais por parte de um grupo de adolescentes. Chocado com o relato do homem, o profissional decidiu compartilhar a história trágica na Internet para denunciar o modo como as vítimas de abuso sexual são tratadas naquele país.

Nas redes sociais a revolta foi geral. “Algumas pessoas não estão aptas para serem pais (…) É assim que os seus cérebros são programados, para culparem a vítima por serem assediados”, comentou um dos seguidores.