Mulher tem perna amputada após passar noite usando salto alto

Lorraine Burnett comprou uns sapatos para ir a um ‘pub crawl’, nova ideia que leva um grupo de pessoas para visitar vários bares em um só dia, em 2008.

 A mulher britânica ignorou as dores e, após uma noite inteira andando com os novos saltos altos, encontrou uma bolha no pé. “No dia seguinte tinha uma grande bolha na minha perna esquerda. Mas, passado uma semana, era tão dolorosa que fui ao médico e me prescreveram antibióticos”, conta Lorraine ao jornal britânico Metro. 

As bolhas começaram a se espalhar e aparecer tem outras partes da perna de Lorraine, de 37 anos, que também se viu obrigada a abandonar o seu emprego. 

Dois anos e repetidas infecções depois, os médicos explicaram que a única solução seria amputar a perna. Agora, Burnett decidiu falar sobre o seu problema pela primeira vez e pede ajuda para comprar uma prótese “mais real”, cujo aspeto se aproxime com uma perna humana. 

“Uma nova perna significa uma nova vida para mim. Me parte o coração em pensar o que os saltos altos me tiraram”, conclui. Na plataforma GoFundMe, Lorraine já conseguiu mais de três mil libras (aproximadamente R$ 12 mil).