Mãe mata filho deficiente e o motivo é de partir o coração

Uma mãe, na China, foi poupada da cadeia por ter matado seu filho deficiente, após ter cuidado devotadamente dele durante anos.

O juri teve misericórdia da Sra. Huang, 83 anos, que afirma ter escolhido dar um fim a vida de seu filho porque não queria que ele sofresse depois que ela morresse.

Sra Huang diz ter cuidado de seu filho, que nasceu com múltiplas deficiências, durante 46 anos, até chegar nessa difícil decisão. Ela foi sentenciada a três anos de prisão, mas a pena foi suspensa por tempo indeterminado.

De acordo com a polícia, a mãe deu uma dose letal de remédios para dormir a seu filho que morreu pacificamente. No mesmo dia, a senhora se entregou a polícia com uma lista das deficiências de seu filho e afirmou ser a única responsável pela morte.

“A mãe tirou o direito do seu filho de viver, mas considerando os motivos que não são tão graves quanto os que costumamos ver e a idade avançada da senhora, a suspensão de pena era a melhor solução”, afirmou o promotor do caso.