Mãe acusa escola de expulsar sua filha por transfobia

Uma mãe de uma estudante transgênero de Fortaleza, Ceará, está mobilizando as redes sociais. Mara Beatriz, sua filha de 13 anos foi expulsa da escola Estudar Sesc por causa de sua identidade de gênero. No mesmo post a mulher convoca as pessoas para uma manifestação na tarde desta quarta-feira. A instituição, por sua vez, divulgou um comunicado no qual lamenta o ocorrido, e assegura que a aluna tem sua matrícula garantida na escola e pede desculpas à família.