29 Mai 2017

Foi um verdadeiro pesadelo vivido em silêncio por dois irmãos – os abusos sexuais por parte do padrasto começaram quando a menina tinha 10 anos e o menino 4 anos. Os crimes aconteceram em Casal de Cambra, Sintra, entre os anos de 2010 e 2012.

No ano passado, o abusador com cerca de 40 anos foi condenado a oito anos de prisão, que agora a justiça de Lisboa veio confirmar. A mulher, mãe das duas crianças, mesmo depois de ouvir o relato dos filhos – que prestaram declarações para memória futura - perdoou o companheiro e o visita frequentemente na cadeia. As duas crianças foram sujeitas a vários abusos sexuais, incluindo sexo oral.

As investigações começaram quando a mãe das crianças estava na maternidade – tinha acabado de dar à luz um filho do explorador sexual e teve de ficar internada durante cerca de uma semana.

Veja mais posts

Páginas