Jovem é estuprado por brasileira que queria se vingar do namorado

Um estudante brasileiro de 21 anos foi vítima de estupro em plena via pública, numa rua da cidade de Praia Grande, São Paulo. A estupradora foi uma mulher que ele nunca tinha visto e que alegou querer fazer sexo com alguém para se vingar do ex-namorado, com quem acabara de romper o relacionamento.

Segundo o depoimento do rapaz, o estudante universitário voltava para casa, na noite de terça-feira, quando, ao descer do carro numa rua do bairro Vila Tupi, foi abordado por uma desconhecida querendo sexo.

Como o universitário, sempre de acordo com o relato feito na delegacia, se recusou a ir para a casa dela, a desconhecida a certa altura levou-o para trás de um carro estacionado num local escuro e tirou toda a roupa. Então, teria forçado o jovem a fazer sexo com ela, ameaçando, se ele não aceitasse, começar a gritar e dizer que era ele que estava tentando estuprá-la. Receando o que poderiam fazer os moradores dos prédios em redor e os motoristas que passavam se a mulher pedisse socorro e o acusasse de crime sexual, o estudante satisfez os desejos da desconhecida, que após o ato sexual se foi embora.

Traumatizado, ao chegar em casa contou o caso à mãe e no dia seguinte ambos foram à polícia. O rapaz também teve de tomar um forte coquetel de medicamentos, pois durante a relação sexual com a desconhecida o preservativo se rompeu e ninguém sabe se ela tem alguma doença sexualmente transmissível. A polícia de Praia Grande está tentando encontrar imagens de câmeras de vigilância de edifícios e comércios da rua onde o estupro aconteceu, para tentar identificar a mulher e conseguir algum indício que ajude a esclarecer o caso.