Evangélica esquarteja os pais para pagar dízimo

Fiel de uma igreja evangélica, Lineusa Rodrigues da Silva, de 24 anos, matou os pais com uma machadinha porque eles não deram o dinheiro do dízimo. O crime aconteceu Timon, interior do Maranhão.

Lineusa matou os pais adotivos a golpes de machadada, Joana Borges da Silva, de 104 anos, que mal se levantava da cama, e Lorival Rodrigues da Silva, de 84, tiveram as mãos esquartejadas com um serrote e foram seguidamente golpeados com um pedaço de pau.

Os vizinhos chamaram a polícia após ouvir barulhos estranhos durante a noite. A jovem confessou o crime e relatou detalhes do assassinato. Sua justificativa foi a religião, “eu fiz por Deus”, conta ela.