Entregadores abrem portas para deixar encomendas se não houver ninguém em casa

A ideia polêmica é da empresa Amazon, que desenvolveu um aplicativo que deixa seus entregadores entregarem pacotes dentro das casas de seus clientes quando eles não estiverem em casa.

O aplicativo é ligado a um dispositivo na fechadura da casa, e o cliente pode determinar uma senha que deve ser digitada pelo entregador para que a encomenda seja entregue.

O objetivo da empresa e parar com reclamações de clientes que nunca estão em casa no momento em que suas encomendas são entregues.

O dispositivo pode ser comprado pelo equivalente a 800 reais.

A empresa disse que irá reembolsar os clientes em caso de prejuízos ocasionados pelo dispositivo.