Criminosos sequestram ambulância para socorrer comparsa baleado em tiroteio no Rio de Janeiro

A Unidade de Pronto Atendimento do Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, foi invadida por um grupo de homens armados na madrugada do último domingo.

Os criminosos sequestraram uma ambulância e um médico para socorrer um comparsa que havia sido baleado durante um tiroteio na baixada fluminense.

Após terminado o procedimento de emergência, o médico foi liberado e devolvido a sua família. A ambulância também foi devolvida à unidade de saúde.

A polícia está investigando o caso para capturar os suspeitos.