Cientista examina supostos restos da Arca de Noé no Monte Ararat

O pesquisador norte-americano Paul Esprante decidiu partir em uma missão de exploração para determinar se uma estranha formação montanhosa são os restos da Arca de Noé.

O monte, chamado Durupinar, foi descoberto nos anos 60 no leste da Turquia, a três quilômetros da fronteira com o Iraque.

Até os dias de hoje ele é considerado ser a verdadeira Arca de Noé devido ao seu formado de barco.

No entanto, cientistas afirmem que seja apenas uma formação rochosa incomum.

O cientista Paul Esprante está disposto a examinar o local a fundo para achar pistas que comprovem a teoria e provar a existência do dilúvio.