Ao invés de ajudar mulher filma empregada caindo da janela

Uma mulher causou revolta nas redes sociais ao filmar – e postar – um vídeo de sua empregada doméstica etíope caindo do sétimo andar. O caso aconteceu no Kuwait, a vítima sobreviveu à queda, e a empregadora foi detida pela polícia do país.

O vídeo de 12 segundos mostra a etíope pendurada na janela com uma mão, gritando por ajuda (“me segure, me segure!”), enquanto a autora do vídeo diz: “louca, volte pra dentro”. O vídeo exibe a mulher caindo em uma cobertura, ela quebrou o braço e teve outros hematomas.

De acordo com a autora do vídeo, essa foi a maneira que encontrou de se defender contra uma acusação de assassinato. A ONG Kuwait Society for Human Rights declarou que a empregadora tinha o dever de tentar resgatar a empregada. De acordo com a entidade, o código penal do país determina que deixar de ajudar uma pessoa em perigo pode causar até três meses de prisão.

O assunto virou trending topics no Twitter do país. Os usuários dividiram-se entre os que apoiaram a autora do vídeo por não ter colocado a própria vida em risco e os que a acusaram de nem mesmo ter chorado após a queda da etíope.