Abraço entre irmãos com câncer está emocionando o mundo

Dois irmãos canadenses estão juntos numa árdua luta contra o câncer. Jacob Randell, de 14 anos, e a irmã, a pequena Sophia, de apenas cinco, tiveram uma foto bastante compartilhada nas redes sociais.

A imagem foi postada pela mãe das crianças no Facebook, por achar que aquele poderia ser o último momento dos dois filhos juntos. Jacob tinha 5 anos quando descobriu o primeiro tumor no cérebro. Ele foi diagnosticado com uma forma muito agressiva de câncer no cérebro mas sobreviveu. Perdeu a visão em um dos olhos e a audição de um dos ouvidos.

Com o nascimento de Sophia e, por precaução, a família fez testes. A menina apresentou os mesmos traços genéticos responsáveis pelo aparecimento dos tumores no irmão, e deixou os médicos e toda a família em alerta. E o pior realmente se concretizou: em 2016 Sophia foi diagnosticada com um tumor no hemisfério esquerdo do cérebro. Foi tratada e passou por cirurgias e superou a doença. A menina estava ainda se recuperando no hospital quando, há poucas semanas, o irmão começou a ficar doente.

Jacob foi diagnosticado com o mesmo problema, só que desta vez nos rins e, na mesma semana, os médicos informaram a família de que o tumor no cérebro de Sophia havia voltado. Foi nesse momento que os dois irmãos se abraçaram no sofá do hospital. “Esta foi a fotografia mais triste que tirei. Fez-me doer os olhos e o coração. Estou destroçada. Toda a nossa família está destroçada. Não é a vida que imaginei para eles, mas é a que tenho e vou caminhar ao lado dos meus filhos em cada passo deste caminho. Ele e a irmã se abraçaram com tanta força. Agora somos nós que vamos abraçar aos dois”, escreveu a mãe Liliane Randell.

Jacob e Sophie, que vivem com a família no Quebeque, estão a ser tratados no Children’s Hospital of Eastern Ontario, em Ottawa.