“50 pervertidos mortos em um bar”, diz jornal

O jornal turco Yeni Akit, famoso por se envolver em polêmicas por conta de suas manchetes, noticiou o ataque a uma boate de Orlando como sendo contra “pervertidos” e pessoas que “se desviaram do caminho”.  

De acordo com o Daily Mail, a publicação da Turquia se apresenta como de direita e, na capa, apresentou a manchete: “A morte chega para 50 em um bar onde homossexuais pervertidos vão”. Os internautas reagiram, acusando o jornal de celebrar o ataque, ao invés de condená-lo.  

O Daily Mail lembra que o jornal é um dos mais ferrenhos ao atacar as minorias, como a comunidade LGBT, judeus, armênios e cristãos. Em 2013, foi feito uma pesquisa que revelou que, no período de quatro meses, foram publicados 175 artigos que apresentaram conteúdo de ódio contra essas comunidades.